terça-feira, 13 de julho de 2010

BONECOS DE CORDA





Joe Berardo e Belmiro de Azevedo ao invés do que dizem
não pretendem nem nacionalizar nem serem roubados

pretendem tão só que a crise seja uma sua oportunidade
enquanto especuladores à custa do assalto à função pública
e aos direitos sociais.

Joe Berardo e Belmiro são bonecos de corda
piranhas à solta num país que sangra.

3 comentários:

smvasconcelos disse...

Bonecos de corda do capitalismo...
beijo,

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Estão muito bem um para o outro. Cada um vende nas suas mercearias, os produtos que mais lhes convém...

opolidor disse...

não há comida que lhes encha o bandulho.