sexta-feira, 12 de março de 2010

EMBUSTE NA CONTINUIDADE


Com o devido respeito pelos não fumadores, mesmo os que só na idade da reforma entenderam morrer saudáveis - também na A da R. - mas ao contrário dos fumadores - o orçamento do estado aprovado, vai impôr ao país - um embuste na continuidade

sendo certo que ainda ficaremos com uma reserva de sol não privatizado
algum mar em torno da Ilha do Pessegueiro.

7 comentários:

lino disse...

Se calhar temos de vender o ilhéu, o mar e o sol para pagar a dívida.
Abraço

opolidor disse...

não sei se eles não tentarão vender as colinas...

jrd disse...

Sabes, ainda não percebi se deixei de fumar tarde ou se me reformei cedo, demasiado cedo.
De qq dos modos, sei que o sol vai resistir e eles vão ter de recorrer à lua...

O Puma disse...

JRD

Lá estaremos.

Maria disse...

E a Berlenga candidata a Maravilha natural e os blogues para desabafarmos...

Beijos

JPD disse...

Há uma crise de liderança profundíssima!

Saudações

heretico disse...

o sol brilhará... ainda!

abraços