quinta-feira, 14 de maio de 2009

ESTRANHA FORMA DE VIDA


António Reis - Grão Mestre da Gol


Nesta sociedade cada vez mais vigiada à custa das liberdades individuais defende-se hoje despudoradamente, a torto e a direito, sistemas de controle e vigilância para pessoas, coisas e animais.

Nesta selva neo-liberal proliferam alarmes, chips nos cães, nos artigos de consumo, nas matrículas dos automóveis (em preparação) escutas nos telemóveis,
video-vigilância nas ruas, polícia privada, mercado marginal nos offshores, redes secretas organizadas e ainda distintas lojas maçónicas, acima dos partidos políticos, com referencia particular ao "Grande Oriente Lusitano" que pretende criar uma estrutura própria de serviços secretos - que designa por "núcleo interno de intelligence".


Estranha forma de vida.


6 comentários:

Maria disse...

Certeiro!
Na batalha naval um tiro no porta-aviões...

Beijo

Vieira Calado disse...

E como vamos dar a volta a isto?

Estou farto de controles.

Um abraço

Marreta disse...

Parece que teremos nós (escravizados pelo poder da vigilância) também que criar formas alternativas e adaptadas a esta nova realidade. Subverter, usar as mesmas armas ajustadas aos nossos interesses.

Saudações do Marreta.

Anónimo disse...

... há dias (quero dizer, noite) interrompi bruscamente um coito porque ... me senti arrebatado por um doloroso sentimento de vigia socrática!!!

... que "chatice" pá !!!-Já nem amor, se pode fazer(ter) à vontade... ao qui'isto !!! chegou...

ab.- EL.-

jrd disse...

Eles andam aí, ou se andam!...

São disse...

A Maçonaria ?! Inacreditável!!

Um abraço.