domingo, 29 de março de 2015

NO BAILE DAS MADEIRAS






O povo foi ás urnas e ficou alegre   mente  com medos 
a vasculhar rezas 
cúmplice em eutanásia colectiva 
ausente e livre
para júbilo dos "estimados" carrascos. 

  

9 comentários:

trepadeira disse...

As urnas têm de servir para enterrar os mortos.

Abraço,

mário

jrd disse...

Há "bananas" que gostam de macacos.

anamar disse...

Bailados e bailinhos,sempre a mesma brincadeira...

Abracinho

Ana Tapadas disse...

Há bananas na Madeira...

Beijo

Rogerio G. V. Pereira disse...

...e venham mais cinco!

Justine disse...

Até quando esta total manipulação colectiva, em que só meia dúzia consegue ter lucidez??????????

Majo disse...

~
~ ~ ~ Un Jardim Encantado!

~~~ACOOOOOOOOOOOOOORDEM!!~~~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

lino disse...

Nem as moscas mudaram!
Abraço

maceta disse...

aquilo ficou mais ou menos na mesma...