sábado, 16 de novembro de 2013

CARNE PARA CANHÃO




Vendida nos mercados a canalha reúne-se em orgias palacianas.
Corrompe-se em conselho tartufo no conselho de ministros.
Decide por consenso violar os mesmos de sempre por decreto,
até um dia serem castrados
carne para canhão

3 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Que não sobre pedra sobre pedra. Castrar é pouco...

Maria Eu disse...

Não há sangue, ainda. Tem que haver!

jrd disse...

Vai sendo tempo de o pessoal não se pôr a jeito...