sábado, 2 de março de 2013

NESTA REPÚBLICA PROCURA-SE O PRESIDENTE




Nem de olhos fechados o desgoverno e o presidente da república
podem digerir o grito colossal da contestação
mas se mesmo assim insistirem no caminho do precipício
a ignorar a contestação generalizada
serão responsáveis por estarem a instigar
revoltas a ferro e fogo

Cavaco cúmplice do descalabro, parece estar em parte incerta.

Nesta República, procura-se o presidente.

10 comentários:

jrd disse...

Só falta o anúncio: "Procura-se"

JP disse...

Procura-se muita gente.....Porque o povo é quem mais ordena mesmo.

Abraço

Rogério Pereira disse...

p_residente?

menvp disse...

Eu não estou interessado nestas manifestações...
.
Eu estou disponível é para participar numa Plataforma de Intervenção Cívica... que nos permita ultrapassar o sistema vigente - o sistema «vira o disco e toca o mesmo».
.
.
-> Não seja/sejam cúmplices da música para otários: «vira o disco e toca o mesmo».
-> De facto, mesmo realizando eleições em todos os "semestres"... seria o «vira o disco e toca o mesmo»: os lobbys manteriam a sua influência... e quando passassem a «ex-», os governantes, teriam belos 'tachos' à sua espera.
.
-> Votar em políticos... sim mas... votar não é passar um 'cheque em branco'!
-> Os políticos não deverão ter o número de mandatos limitado... mas, em contrapartida, esses mandatos deverão estar sujeitos a uma muito maior vigilância/controlo por parte dos cidadãos. [nota: e os políticos deverão ter uma idade de reforma igual à do regime geral!]
.
-> Pelo 'Direito ao Veto de quem paga': blog «fim-da-cidadania-infantil».

São disse...

Cavaco ainda vive?!

Uma coisa que me indigna e surpreende é como este idiota conseguiu ser eleito para todos os cargos a que se propôs e por mais de uma vez!!

O povo português tem , realmente, comportamentos completamente surrealistas!

Dorma bem

O Puma disse...

Não podemos mudar de povo

tudo o resto pode ser mudado

para ajudar a mudar o povo

Pata Negra disse...

Não se pode desresponsabilizar o povo pelas escolhas que tem feito, não se podem ignorar os resultados das sondagens que continuam a dar vitória aos partidos da troika, não se pode ignorar que a solução próxima passe por uma democracia partidária, a única coisa que podemos fazer, julgo, é fazer com que as pessoas votem! Se a dezena de partidos que temos não chegam, inventem-se outros!
Estou farto das bocas do "são todos iguais", "não há alternativas", "com o meu voto não contam nenhum deles" e outras mais!
Um abraço orgânico

heretico disse...

procura-se o Presidente para quê?

alguém o compra?

deixemos que a ti´Maria lhe mude as fraldas. em paz...

abraço

trepadeira disse...

Procuro,não o,um presidente.
Este não tem préstimo.

Abraço,
mário

Graça Sampaio disse...

Esse é o primeiro responsável por este desatino que estamos a viver. E está encolhidinho, com o rabinho entre as pernas à espera que o tempo passe. Nem se mostra! Filho da... mãe dele!