sábado, 30 de março de 2013

HÁ TANTOS CRISTOS NO CHÃO DAS MARÉS




Há tantos Cristos no chão das marés

8 comentários:

Branca disse...

Há tantos Cristos mesmo Puma e esta tua frase é tão profunda e tão triste hoje como ontem. Para quando a ressurreição detas vidas? Para quando uma nova página na História?
Nós que ouvimos os nossos avós e pais falarem de outras guerras na Europa, nós que lutamos e vimos a esperança crescer e os pássaros voarem, nós que construimos uma outra vida e que não pensavamos chegarmos aqui e tão cedo termos que falar ao nossos netos destes novos Cristos, desta guerra económica que faz dos nossos filhos uma geração sem norte...

Este é um belíssimo poema de um só verso.

Beijos

São disse...

...mas acabarão poe se levantar do chão, mais cedo ou mais tarde!


Boa Páscoa para ti, amigo meu

trepadeira disse...

Crucificados todos os dias e não beatificados.

Abraço,
mário

Jorge P.G disse...

Pois há, meu caro amigo! As marés devolvem-nos tantas injustas perdas!

Um abraço e Feliz Páscoa.

Rogério Pereira disse...

aos levantados do chão
a verdadeira ressurreição
dos corpos com a alma inteira

jrd disse...

Sacrificados aos fariseus do "tempo".

© Piedade Araújo Sol disse...

frase profunda.

boas páscoas.

beijo

:)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Boa Páscoa