segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

DERRUBE DO DESGOVERNO


É verdade - "as palavras estão gastas" mas a inevitável reforma do Estado passa pelo urgente derrube do desgoverno



9 comentários:

JP disse...

Eu derrubaria já.....


Abraço

Pata Negra disse...

Reformá-los também é inevitável, mas que não vão para a reforma!
Um abraço da rua mas não para a rua que eles devem ir

Rogério Pereira disse...

Já!

jrd disse...

Procuram-se!
Dão-se alvíssaras.

jrd disse...

Procuram-se!
Dão-se alvíssaras.

Graça Sampaio disse...

Boa! E quando é?!... Por mim até já tinha sido! Ou melhor: nem lá tinham posto os pés!

Graça Pimentel disse...

O problema é que se este governo cair temos o Seguro à frente dos destinos da nação. E o Seguro é o Passos Coelho do PS. Para quem ainda vota é difícil escolher entre o péssimo e o péssimo...

trepadeira disse...

Vamos a eles.

Abraço,
mário

Felina disse...

E depois? vamos ter mais do mesmo, é ver los já a organizarem se, parecem abutres à espera de ocupar o lugar para lamberam as nossas carcaças, sim porque a carne já foi...