sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

ANDAM A VENDER O PAÍS AO PREÇO DA CHUVA


 
 
A proposta do FMI dita "técnica" foi encomenda e teve a participação dos ministros do desgoverno.
 
O descalabro ultrapassa o aberrante.É um grave caso clínico que desejo em estado terminal.
 
Passos Coelho defende Moedas e a venda do país ao preço da chuva.
 
Ao q'uisto chegou.
 
 


11 comentários:

Rogério Pereira disse...

A dita proposta é uma falsa proposta
É uma lebre
Quando a verdadeira aparecer, haverá quem suspire: afinal o preço será o da chuva miudinha... uma espécie de molha tolos

Mas como não vai chegar...

jrd disse...

E o mais grave é que a chuva está em saldos...

São disse...

Carlos Moedas é filho de um militante comunista alentejano , que num arroubo de ternura e fé lhe escreveu uma carta aberta dizendo-lhe da certeza de que o seu varão (ignorou completamente a filha) iria salvar os homens da iniquidade.

O senhor deve viver ainda e eu gostaria de saber o que sente face ao comportamento de Carlos.

Felina disse...

Só não percebi porque ainda não venderam os submarinos...

Silenciosamente ouvindo... disse...

Se é um caso terminal, demoram a
morrer...meu amigo!!!
É sempre assim...aos bons tudo
acontece...aos ruins parece que
nada!...
Não sei se já lhe disse que o meu
blogue http://sinfoniaesol.wordpress.com
completou um ano.
Se quiser passar por lá, ficaria
feliz.
Um beijinho
Irene Alves

quem és, que fazes aqui? disse...


Já só vejo, como possível, a amputação.

Beijo

Laura

maceta disse...

o que estes gajos são é uma valente encomenda, todos...

heretico disse...

ao q´isto chegará... se os deixarmos.

abraço

JP disse...

Sabe que ainda agora "escrevi", entre aspas, pois quem escreveu não fui eu, sobre o tema?

Outra coisa. Julguei que já era seguidor deste blog mas não conseguia ver os post. Agora por acaso (porque comentou no meu) verifiquei que estava em falta....mas já não está.

Abraço

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Da proposta do FMi, nem vale a pena falar. Agora que começo a ter medo que os tugas voltem a eleger Coelho, como fizeram com Cavaco em 91, disso tenho...

ana disse...

Puma,
Nem ao preço da chuva pois ela por vezes faz sinfonias mais belas do que qualquer dinheiro possa valer.
Do Passos Coelho só saem desertos.