terça-feira, 9 de outubro de 2012

DESGOVERNO SANGRA O PAÍS




Até o FMI critica a prática do desgoverno, que esgrima em segredo, ameaça, anuncia, e recua como um cardume de piranhas.
Sugam a torto e a direito mas preferem a função pública.

Privatizam às cegas, rasgam contratos assinados, expropriam reformas, denigrem funções, banalizam competencias, coisificam o Estado de direito, vendem-se ao desbarato - sangram o país.

Até quando?

7 comentários:

trepadeira disse...

Sangrar sangram,espero se espetem na própria faca.

Um abraço,
mário

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

O FMi critica, reconhece que errou, mas fica tudo na mesma, porque temos um governo de traidores.

São disse...

Deixam-me indiferentes os discursos inconsequentes destas criaturas que nos tiram tudo!

O que eu exijo são acções!

E, já agora, que "o melhor povo do mundo" assuma a responsabilidade de que também errou ao votar em corruptos e vigaristas e incompetentes mais que conhecidos!

Boa noite

lino disse...

Só até quando deixarmos!
Abraço

Maria José Meireles disse...

Lamento pertencer ao grupo mais apetitoso!... :)

BlueShell disse...

Pois...até já não haver mais por onde sugar...
lamentavelmente...

bshell

maceta disse...

quando forem expulsos já fizeram estragos colossais...