sábado, 29 de setembro de 2012

PROXIMO ORÇAMENTO DO ESTADO - A ÚLTIMA PROVOCAÇÃO?





Se o desgoverno com apoio no Parlamento e a benção do P.da R. continuar cego e surdo ao grito colectivo do país - não lhe bastará reformular os ministros os rostos e a forma de comunicar - terá de alterar políticas - caso contrário será demitido nas ruas.

A ver vamos o próximo O.do E. - a última provocação - detonadora de uma greve geral - mais um protesto por via pacífica - até quando?



7 comentários:

JP disse...

Acho que já não há provocações que nos provoquem!

Já nada me surpreenderá. E continuamos, pacificamente, a ser uma nação descontente.

Abraço

Lídia Borges disse...


Vão tentar agarrar-se às "cadeiras", mas, um dia são as próprias cadeiras a cair.

Lídia

Zé Povinho disse...

O protesto pacífico precede a revolta muito menos pacífica...
Abraço do Zé

Vítor Fernandes disse...

Mudar moscas não vale a pena.

Rogério Pereira disse...

Um diau, um amigo, perguntou-me
se me julgava "pacífico"
Eu respondi, entre o irónico e o sinistro
Sou um gajo "Atlântico"

(Ou estamos muito enganados,
ou os gajos estão borrados...)

trepadeira disse...

Já não há nada que os salve.

Estão demitidos,só falta tombá-los,mais uma caem.

Um abraço,
mário

ana disse...

Ainda bem que o povo acordou. Politizado ou não sempre é capaz de dizer BASTA!
Boa semana. :)