quinta-feira, 14 de julho de 2011

VICTOR GASPAR ABANCA






Victor Gaspar vertiginoso ministro das finanças



lento na voz macia - tipo mama doce- acelera nas medidas contra os que não têm voz - passo a passo propõe poupanças a "todos" e um imposto "universal"



excepto aos que beneficiam de juros, produtos financeiros, jogos nas bolsas



Abanca


protege a Banca



9 comentários:

heretico disse...

executor do Capital, que nao leitor...

abraços

irlando disse...

De pé, ó vitimas da fome
De pé, famélicos da terra
....
Cortai o mal bem pelo fundo
De pé, de pé,não mais senhores
...

Rogério Pereira disse...

"tipo mama doce"
poupando a teta de onde irá mamar

(normalmente a banca é generosa para quem a protege...)

trepadeira disse...

Como o outro,só protege os bancos pode ser que a cadeira se zangue e atire com ele.

Um abraço,
mário

Pata Negra disse...

Depois do fel teixeira este gaspar ainda é vinagre! Só com íscaros e bom tinto isto vai lá! O resto é conversa!
Um abraço fora do jogo deste gajos mas pronto para uma invasão de campo

jrd disse...

Melífluo profissional. Ele é que sabe.

lino disse...

Os estrangeirados é que mandam nisto.
Abraço

Fernando Samuel disse...

E, certamente, protege-se...

Um abraço.

Isa GT disse...

Bem retratado o Gasparzinho.
Tenho verdadeira alergia a vozes macias e sorrisinhos hipócritas... prenúncio que se preparam para a carpintaria... lixar

Bjos